Produção de cana-de-açúcar na Bahia cresce 13,4%

 

 

Produção de cana-de-açúcar na Bahia cresce 13,4%

Na contramão da tendência nacional, a área em produção de cana-de-açúcar na Bahia cresceu 13,4% em comparação à safra anterior. As informações são do 3° Boletim da Safra de Cana-de-Açúcar 2021/22, publicado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) nesta terça-feira (23). A produção baiana está estimada em 4,6 milhões de toneladas em uma área de 57,1 mil hectares.

A expansão da área foi causada principalmente pelos maiores investimentos realizados, a partir de 2020, por unidades sucroenergéticas. A cultura tornou-se atrativa principalmente devido ao bom regime de chuvas do ano passado e aos projetos de investimentos e expansão visando o crescente mercado consumidor estadual. O avanço da cana foi realizado em sua maioria sobre áreas de pastagens e de eucalipto.

Já a produtividade média foi impactada pela baixa incidência de chuvas no primeiro semestre de 2021, que atrasou o desenvolvimento das lavouras e indicou importante redução na produtividade média esperada. Ainda assim, a produção total cresceu 4% em relação ao ciclo passado, devido ao aumento de área.

Na indústria, a perspectiva continua sendo de maior destinação da cana-de-açúcar para geração de etanol, apesar dos bons preços atuais pagos pelos dois produtos. As operações de colheita na Bahia estão em fase final.

Confira o boletim completo no site da Conab, com informações regionais e nacionais sobre a safra de cana-de-açúcar.