Inep muda gabarito do Enem 2020; alternativa dada como certa dizia que mulher negra que não quer alisar o cabelo tem argumentos ‘imaturos’

O gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, divulgado na quarta-feira (27), foi alterado após dois erros:

  • apontava como correta uma alternativa que dizia que a mulher negra que não quer alisar seu cabelo tem argumentos “imaturos”;
  • dizia que o Google associava nomes de pessoas negras a fichas criminais por causa da “linguagem”, não do “preconceito”.

Após ser acusado de racismo nas redes sociais, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), que organiza a prova, corrigiu o gabarito e disse ao G1 que foi encontrada “uma inconsistência no material”.

“A autarquia verificou que uma modificação feita no gabarito após o retorno das provas para o Inep não foi salva no banco de dados. Em função disso, a área técnica providenciou uma revisão no material e o instituto já disponibilizou as versões corrigidas no seu portal”, afirma a nota.

Consulte abaixo os gabaritos atualizados:

A primeira pergunta em discussão faz parte da prova de inglês e traz um trecho da obra “Americanah”, da autora nigeriana Chimamanda Ngozi Adichi. No excerto, duas mulheres negras conversam em um salão de cabeleireiro. A profissional, Aisha, recomenda que a cliente, Ifemelu, alise os fios para “ficar mais fácil de penteá-los”. A jovem não aprova a ideia: diz que gosta do seu cabelo natural, “como Deus o fez”.

Em seguida, há o trecho, em tradução para o português: “Não é difícil pentear se você hidratar corretamente “, disse ela [Ifelemu], assumindo o tom persuasivo que ela usava sempre que tentava convencer outras mulheres negras sobre os méritos de usar seu cabelo natural”.

Alternativa considerada correta pelo Inep é a "d". Mulheres acusam autarquia de racismo. — Foto: Reprodução/Inep

O Enem, então, questiona o que os argumentos da cliente representam. No gabarito extraoficial do G1 e no programa de correção (veja vídeo abaixo), professores apontam que a alternativa correta seria a “c”: “revelam uma atitude de resistência”.

Mas, segundo o Inep publicou inicialmente, o certo seria “demonstram uma postura de imaturidade” (alternativa “d”). Depois do questionamento do G1, o gabarito foi corrigido para “c”.

Fonte: G1