Professora da UFRB recebe importante honraria internacional do IEEE

 Na UFRB, a pesquisadora Cristiane coordenou um projeto de extensão que incentiva mulheres a seguir carreira na área das ciências exatas e tecnológicas.

Professora da UFRB recebe importante honraria internacional do IEEE
Foto: UFRB/Edu

A professora e pesquisadora da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), Cristiane Agra Pimentel, recebeu pelo segundo ano consecutivo a Menção Honrosa do IEEE Women in Engineering Inspiring Member of the Year Award. O prêmio existe desde 1990.

Lotada no Centro de Ciência e Tecnologia em Energia e Sustentabilidade (CETENS), Cristiane recebeu o comunicado da honraria pelo Institute of Electrical and Electronic Engineers – IEEE (Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos) Board of Directors pela atuação na área da tecnologia, na sociedade e na engenharia.

Cristiane lidera o grupo IEEE Women in Engineering (WIE) da UFRB desde 2018. Trata-se de um grupo de afinidade do IEEE que representa uma organização internacional de profissionais dedicados à promoção de engenheiras, cientistas mulheres e meninas de inspiração ao redor do mundo.

Na UFRB, Cristiane coordenou um projeto de extensão que incentiva mulheres a seguir carreira na área das ciências exatas e tecnológicas. A  iniciativa denominada “Princesas da Tecnologia no Recôncavo” buscava atrair o interesse de estudantes do terceiro ano do ensino médio, especialmente do sexo feminino, pelas profissões ligadas às Science, Technology, Engineering, Mathematics – STEM (Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática) e, como consequência, reduzir os índices de evasão nesses cursos e apoiar uma maior diversidade do público discente na graduação.

A indicação ao prêmio foi feita pela estudante Beatriz Santos juntas às cartas de recomendação da professora Vanessa Schramm da UFCG (Universidade Federal de Campina Grande) e da professora Betânia Filha, da ex-presidente do Comitê de Atividades Educacionais da R9 (América Latina) no Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE).

Cristiane Agra se disse “imensamente grata ao Institute of Electrical and Electronic Engineers – IEEE pela menção honrosa, ao Ramo IEEE da UFRB – que conta com mais de 70 estudantes voluntários do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CETEC) e do CETENS; e ao grupo de extensão IEEE Women in Engineering (WIE) da UFRB e por sempre acreditarem em todos os trabalhos propostos e executados desde 2018”.

Segundo ela, não poderia deixar de parabenizar aos meus príncipes e princesas (assim que chamo meus orientandos) pois este reconhecimento também é mérito deles.

Sobre o IEEE

IEEE Women in Engineering (WIE) colabora no incremento da prosperidade mundial, promovendo a engenharia de criação, desenvolvimento, integração, compartilhamento e o conhecimento aplicado no que se refere à ciência e tecnologias da eletricidade e da informação, em benefício da humanidade e da profissão.

Criado em 1884, nos EUA, o IEEE é uma sociedade técnico-profissional internacional, dedicada ao avanço da teoria e prática da engenharia nos campos da eletricidade, eletrônica e computação.

O IEEE congrega mais de 400.000 associados, entre engenheiros, cientistas, pesquisadores e outros profissionais, em cerca de 150 países.

É dirigido por um Board of Directors, e por um Executive Commitee. Compõe-se de 10 Regiões, 36 Sociedades Técnicas, 7 Conselhos Técnicos, e por aproximadamente 1200 Society Chapters e 333 Seções. Das 333 Seções do IEEE existentes no mundo, 5 delas estão no Brasil e, juntas formam o Conselho Brasil, que são: Seção Bahia; Seção Centro-Norte Brasil; Seção Minas Gerais; Seção Rio de Janeiro; e Seção Sul Brasil.

Fonte: UFRB

Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícias.