Suspeito de homicídio no Espírito Santo morre em confronto com PMs na Bahia

O homem apontado pela polícia como o autor das mortes de uma mulher de 45 anos e uma criança de dois anos, na cidade de Linhares, no Espírito Santo, morreu em confronto com policiais na noite dessa sexta-feira (08), na cidade de Teixeira de Freitas, extremo sul da Bahia.

Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), ele era líder de uma facção envolvida com tráfico de drogas na cidade capixaba, e estava foragido desde o último dia 2 de dezembro, quando cometeu o crime.

Militares da Cipe Mata Atlântica e da Rondesp Sul receberam uma denúncia anônima sobre onde estaria o foragido e foram até o bairro de Colina Verde, em Teixeira de Freitas. Sabendo das características do traficante, guarnições fizeram varreduras e localizaram o homem próximo a um imóvel.

Na tentativa de abordagem, o criminoso efetuou disparos com arma de fogo e acabou ferido, no confronto. Ele foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos. Uma submetralhadora calibre 9 mm, carregador e munições foram apreendidos.

Segundo a polícia o crime ocorreu no dia 2 de dezembro do ano passado, o criminoso e comparsas mataram, a tiros, Sandra dos Santos Calixto, de 45 anos, e a criança, Heloísa Dias Nascimento, de apenas 2 anos, que era vizinha da vítima. Uma adolescente de 15 anos, filha de Sandra, também foi baleada, mas sobreviveu. As três estavam no portão de uma casa na hora em que os atiradores chegaram.

A Polícia Civil do Espírito Santo investiga se o crime tem relação com o assassinato do marido de Sandra, ocorrido em julho de 2020, e uma possível relação com a disputa do tráfico de drogas na região.

Fonte: Aratu