Lula imaginava que estava acima da lei, ironiza Aleluia

A condução coercitiva do ex-presidente Lula pela Polícia Federal na 24ª fase da operação Lava Jato não foi vista como surpresa para o deputado federal José Carlos Aleluia (DEM). O ferrenho opositor ao governo do PT diz que a Aletheia, com 11 mandados de condução coercitiva, sendo cinco na Bahia, “é muito previsível”. “Ontem falei disso, que ele não poderia ficar impune. É claro que não foi ainda preso, está sendo conduzido coercitivamente com amigos e parentes. Lula estava imaginando que estava acima da lei, mas ninguém é acima da lei. Democracia é isso, todos respondem igualmente perante a legislação”, disse o democrata em conversa com o Bocão News.

Segundo o parlamentar, com Lula no foco da Lava Jato, a chegada até a presidente Dilma Rousseff é questão de tempo. “Ela é parte do crime. Na quadrilha do Lula, é uma das dirigentes da facção criminosa, como na questão da Petrobras. Mas vai aparecer muita coisa ainda, vem aí delação da Camargo Côrrea”, apostou.

*Bocão news