Após primeira tiragem de 12 mil exemplares, livro de Janot terá reimpressão de mais 10 mil

Após primeira tiragem de 12 mil exemplares, livro de Janot terá reimpressão de mais 10 mil

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Após a primeira leva de 12 mil exemplares da primeira tiragem, o livro “Nada Menos Que Tudo”, no ex-procurador geral da República, Rodrigo Janot, terá uma segunda leva injetada no mercado.

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, a editora Planeta prepara a reimpressão de mais 10 mil exemplares da obra que tem rendido polêmicas tanto no cenário político como no jurídico, no Brasil.

Ainda segundo a publicação, uma fonte revelou ter ouvido um desabafo de Rodrigo Janot, que alega estar recebendo “muita porrada” após a divulgação do livro. A queixa do ex-procurador de dá após a operação de busca e apreensão da Polícia Federal em seu escritório de advocacia (clique aqui), após ele revelar que planejou assassinar o ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes (clique aqui). Para Janot a operação é descabida, porque, segundo ele, o local não tem nada a ver com eventual crime pelo qual ele possa ser investigado.

Fonte: BN