PF indicia ministro do Turismo por articular esquema de candidaturas laranjas

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (PSL) foi indiciado pela Polícia Federal (PF) no inquérito da Operação Sufrágio Ostentação.  A investigação sobre suposto o desvio de recursos por meio de candidaturas femininas laranjas nas eleições 2018.

O ex-presidente do Partido Social Liberal (PSL), em Minas Gerais, Marcelo Álvaro é investigado por falsidade ideológica, associação criminosa e apropriação indébita. De acordo com as investigações, o partido do presidente Jair Bolsonaro, utilizou candidatas em disputas de fachada para acessar recursos de fundo eleitoral exclusivo para mulheres.

Segundo investigadores da PF o ministro era o articulador do esquema de laranjas. A PF já havia indiciado as ex-candidatas Naftali de Oliveira Neres, Débora Gomes da Silveira, Camila Fernandes Rosa e Lilian Bernardino de Almeida.

*Bahia.Ba