Prefeito Danilo de Babão é favorito a vencer eleição em Muritiba

BN/ Séculus: Prefeito Danilo de Babão é favorito a vencer eleição em Muritiba

Foto: Reprodução/ Diário da Notícia

Candidato à reeleição em Muritiba, Danilo de Babão (PSD) não deve ter dificuldade para conseguir a renovação do mandato nas urnas no dia 15 de novembro. De acordo com o levantamento divulgado neste domingo (1º), feito pela Séculus Análise e Pesquisa sob encomenda do Bahia Notícias, ele possui 55% das intenções de votos na cidade.

Esse foi o resultado da pesquisa no cenário estimulado, quando os candidatos que estão na disputa são sugeridos para o entrevistado. Pelo levantamento, realizado com 590 eleitores da cidade nos dias 21 e 22 de outubro, Mara (PSB) ficaria em segundo lugar, com 21,67% das intenções de voto. Juba (PT) e Zé Bim (MDB) aparecem apenas com 0,24% de apoio dos eleitores cada um. Outros 9,05% não saberiam em quem votar, 7,62% não votariam em nenhum deles e 6,19% não opinaram sobre a questão.

Imagens: BN/ Séculus

 

O resultado foi muito semelhante ao apontado na pesquisa espontânea, quando o entrevistado diz o nome que lhe vem à cabeça. De novo, Babão sairia o vencedor com 54,76% das intenções, Mara em segundo, com 21,43%, e Juba e Zé Bim empatados, com 0,24% das intenções de voto. Neste cenário, 9,52% não saberiam em quem votar, 8,10% não votariam em ninguém e 5,71% não responderam a pergunta.

Apenas no quesito rejeição, Mara ultrapassa o atual prefeito. Do total de entrevistados, 27,86% afirmaram que não votariam nela de jeito nenhum. Já a rejeição de Babão está em 16,90% do eleitorado. Juba e Zé Bim são rejeitados por 15,24% e 12,38% dos eleitores, respectivamente. Outros 5,24% não saberiam responder, 12,14% não rejeitariam nenhum dos quatro candidatos e 10,24% não opinaram sobre o assunto.

 

AVALIAÇÃO DO GOVERNO

Favorito a vencer a eleição, Babão tem a gestão bem avaliada na cidade. A soma do público que considera o governo ótimo (21,19%) com aqueles que o consideram bom (24,76%) chega a 45,95% do total. Outros 33,57% acham a gestão regular. Sendo assim, a minoria faz a avaliação negativa – para 12,38% dos entrevistados, o governo é péssimo e 4,52% o julgam ruim. Os demais, 3,57%, não responderam.

 

Registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BA06453/2020, a pesquisa tem intervalo de confiança de 95% e margem de erro de 4,0 pontos percentuais para mais ou para menos.

BN.