Ex-ministro diz que Bolsonaro tenta ‘enganar população’ após fala sobre militares

O ex-ministro da Secretaria de Governo Carlos Alberto dos Santos Cruz criticou a declaração do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre as Forças Armadas poderem decidir se o país vive em uma democracia ou em uma ditadura. Em entrevista ao colunista do UOL Chico Alves, o general da reserva disse que a fala era mais uma tentativa de levar os militares para discussões políticas.

“Só posso dizer que isso é covardia com a população e com as Forças Armadas, que trabalham e se dedicam às suas atividades, à defesa do Brasil e em auxílio à população em todos os momentos de necessidade, sempre dentro da lei. (…) Isso é mais uma tentativa de enganar a população e arrastar as Forças Armadas para o centro de discussões políticas”, afirmou.

Na segunda-feira (18), Jair Bolsonaro afirmou que no Brasil “temos liberdade ainda”, mas “tudo pode mudar”.

“Quem decide se um povo vai viver numa democracia ou numa ditadura são as suas Forças Armadas. Não tem ditadura onde as Forças Armadas não apoiam. (…) Por que sucatearam as Forças Armadas ao longo de 20 anos? Porque nós militares somos o último obstáculo para o socialismo”, disse.

*Bahia.Ba