Bolsonaro ironiza último dia de mandato de Rodrigo Maia: ‘Tudo acaba um dia’

Marcada pelas constantes tensões, a relação entre o presidente da República, Jair Bolsonaro (Sem Partido) e o presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) nunca foi cordial.

Com a iminência de deixar o mandato nesta segunda-feira, 1, Maia, que deve inclusive deixar o DEM após a eleição, foi alfinetado por Bolsonaro durante uma transmissão feita por apoiadores do presidente em frente ao Palácio do Planalto.

“Seja feliz, tudo acaba um dia. Meu mandato vai acabar um dia. Nós devemos nos preparar para este momento aí”, afirmou. Bolsonaro disse ainda que “se Deus quiser, vai dar tudo certo hoje” se referindo a uma possível vitória de Arthur Lira (PP-AL), seu candidato, no pleito contra Baleia Rossi (MDB-SP), candidato de Maia.

Maia e Bolsonaro iriam se encontrar ainda nesta manhã na sessão de volta aos trabalhos do STF (Supremo Tribunal Federal), mas o deputado não compareceu e de acordo com fontes internas do partido, pode usar seu último ato no cargo para aceitar pedidos de impeachment protocolados contra Bolsonaro.

Fonte: A Tarde