Arthur Lira não vai deixar passar nenhum pedido de impeachment, diz senador Ciro Nogueira

Em reunião com empresários e banqueiros na quarta-feira, o senador Ciro Nogueira (PP) afirmou que a CPI da Covid não vai dar em nada para o presidente Jair Bolsonaro. Segundo ele, a garantia é o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP), que não deixará nenhum pedido de afastamento de Bolsonaro ser discutido, funcionando como uma sólida barreira.

Ainda no encontro, o parlamentar elogiou Bolsonaro, afirmando que é o político mais bem intencionado que já conheceu desde que entrou na política. As informações foram reveladas pela coluna da Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo.

Ciro estava com os deputados Luiz Antonio Teixeira Junior (PP), o doutor Luizinho, o baiano Cacá Leão (PP) e Aguinaldo Ribeiro (PP), relator da reforma tributária.

CPI

De acordo com o plano de trabalho apresentado na última quinta-feira, 29, os senadores vão apurar na CPI “se as autoridades de saúde agiram ou não de maneira imprudente ou sem a devida técnica, se foram ou não omissas, se deixaram ou não de efetuar planos de contingência ou se agiram ou não com a antecedência necessária, de forma planejada e integrada”.

Já estão marcados os depoimentos dos ex-ministros da saúde do governo de Jair Bolsonaro. Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich serão os primeiros a serem ouvidos pela comissão, já na próxima terça, 4. Os depoimentos foram aprovados na reunião do colegiado nesta quinta.

Na próxima quarta, 5, o dia será dedicado ao ex-ministro da pasta Eduardo Pazuello; na quinta, 6, será a vez do atual ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e do diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres, prestarem esclarecimentos à comissão.

*Atarde