SAJ: familiares buscam vaga na UTI para jovem baleado pela polícia

SAJ: familiares buscam vaga na UTI para jovem baleado pela polícia

Os familiares buscam vaga na UTI para o jovem de prenome Jackson, baleado na noite desse domingo (6), em Santo Antônio de Jesus.

Segundo informações da polícia, após ser abordado pela guarnição, o jovem reagiu e trocou tiros com os policiais, por volta das 20h, no Cidade Nova 2.

Contudo, a família nega o confronto e afirma que o jovem estava desarmado.

Revoltados, os familiares do jovem realizam manifestação em frente ao Hospital Regional em busca de uma vaga na UTI.

“A polícia tentou matar um menino de família. Ele é trabalhador e estudante. A assistente social disse que ia conseguir uma vaga na UTI, mas depois disse que não tinha”, explicou um familiar.

Entenda o caso

Ao Blog do Valente, a moradora de prenome Conceição relatou que seu sobrinho de prenome Jackson, menor de idade, estava na moto da mãe com o primo. Ambos estavam indo para a casa do pai de Jackson no Cidade Nova 2.

“O pai dele foi agredido também quando viu o filho no chão. Toda vez que é um negro morador da favela, a polícia diz que foi troca de tiros”, frisou.