‘Procurar o governador para tratar do calendário de retomada’, diz ACM Neto sobre volta às aulas

O prefeito ACM Neto falou, em entrevista coletiva nesta terça-feira (17), que vai procurar o governador Rui Costa para voltar a tratar do calendário de retomada das aulas. Neste mês, os professores das redes públicas municipal e estadual estão em férias coletivas.

“Agora que passou a eleição, eu vou procurar o governador para a gente voltar a tratar do calendário de retomada das aulas. Temos que debater sobre o prejuízo que a suspensão das aulas traz para os alunos, em especial para os alunos da rede pública, que estão sem o ensino à distância. Uma parte está tendo ensino remoto e outra não, então a gente precisa prevê a retomada das escolas e recuperação do tempo perdido”, disse ACM Neto.

No final de outubro, o governo do estado anunciou protocolos, que foram complementados pela prefeitura, para a retomada do ensino superior. As aulas na rede estadual de ensino foram suspensas no dia 15 de março.

Carnaval e réveillon

O prefeito ACM Neto disse ainda que os anúncios sobre o carnaval e o réveillon de Salvador serão feitos nos próximos dias.

Em entrevistas anteriores, Neto havia reafirmado que só definiria as duas ocasiões a partir de novembro, por causa das eleições e da necessidade de decisão conjunta com o novo prefeito.Nesta terça, ele falou que a decisão já foi tomada com o prefeito eleito Bruno Reis sobre o carnaval, mas que será feita uma reunião com os representantes do carnaval, antes da divulgação.

“O anúncio do réveillon sai ainda essa semana, no mais tardar, sexta-feira. Sobre o carnaval, faremos reuniões, também essa semana, com os principais atores do carnaval, ou seja: representantes de blocos, de segmentos carnavalescos, do Conselho do Carnaval. Segunda-feira da próxima semana [23] já teremos o anúncio do carnaval. Eu e Bruno temos uma decisão, mas antes de qualquer coisa, queremos conversar com envolvidos”, ponderou.

Desmobilização de leitos

A prefeitura já havia anunciado a desmobilização da segunda tenda do hospital de campanha do Wet’n Wild, que foi aberto em maio para tratamento exclusivo de pacientes infectados com a Covid-19. A desativação será na sexta-feira (20).

ACM Neto disse que as atuais taxas de ocupação dos leitos clínicos e de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) permitem a ação, mas informou que a prefeitura tem um plano de contingência caso haja aumentos de necessidade dos leitos.

“Estamos com taxa de ocupação de leitos clínicos de 52%, leitos de UTI em 50%. Isso nos permite ativar o processo de desmobilização da tenda 2 do Wet’n Wild, mas temos plano de contingência caso haja aumento de demanda dos leitos de UTI. Já temos 30 leitos que podem ser ativados a qualquer momento: 10 Hospital Municipal e outros 20 no Itaigara Memorial. O governo do estado também tem plano dele. Está tudo sob controle”, disse o prefeito.

*G1




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *