Trabalhadores do Transporte Público de Salvador tentam nova rodada de negociação nesta segunda-feira (27)

Caso o impasse continue, rodoviários entrarão em greve na quarta-feira (29); 3 milhões de passageiros serão impactados

Foto: Reprodução / Bahia Notícias

Após 12 reuniões sem acordo, trabalhadores do transporte público de Salvador podem decidir, na tarde desta segunda-feira (27), se haverá ou não greve dos rodoviários na próxima quarta-feira (29). É que uma Audiência Pública está acontecendo no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), em Salvador, envolvendo o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Estado da Bahia e a Associação as Concessionárias do Serviço de Transporte Público de Passageiros do ônibus Urbanos de Salvador (Integra) para uma nova tentativa de negociação.

A tentativa de negociação ocorre em meio ao decreto de estado de greve, no qual os trabalhadores publicaram um edital decretando greve da categoria a partir da próxima quarta-feira (29), conforme informações do Ministério Público do Trabalho (MPT).

Segundo informações do Bahia Notícias, são 44 itens pleiteados pelos rodoviários, sendo o principal deles um reajuste salarial de 4% acima da inflação. Inicialmente, os empresários ofereceram um aumento de 1,24% e, no último encontro, a proposta foi de 2%, ambos rejeitados pelos trabalhadores, resultando na aprovação do estado de greve.

Caso o impasse persista após a reunião desta segunda-feira (27), diversos modais de transporte serão afetados dentro e fora de Salvador, não apenas os ônibus que operam o transporte público municipal. Cerca de 3 milhões de passageiros por dia podem ser impactados com a paralisação do BRT, dos transportes coletivos urbanos, do transporte intermunicipal, além de empresas de turismo e locadoras.



Veja mais notícias no blogdovalente.com.br e siga o Blog no Google Notícia