Ipiaú: Banda Roxa não é mais candidato a prefeito; ex candidato divulga carta

tanurep

Conforme chegamos a comentar na terça feira (31) no artigo “Ipiaú:Banda ou Cleraldo – quem apóia quem?” o afunilamento da campanha política eleitoral em Ipiaú não deveria demorar na decisão de qual dos dois candidatos representativos do grupo político do prefeito Deraldino Alves de Araújo seguiria em frente na tentativa de perpetuar a sua herança administrativa.

No final da tarde desta quarta feira (01), portanto bem mais cedo do que muitos esperavam, a decisão foi anunciada ao público. O candidato a prefeito Miguel Tanure (popularmente conhecido como Banda Roxa ) que tinha por candidato a vice o procurador jurídico Agnaldo Teixeira, comunicou a sua desistência em continuar no pleito deste ano.

Junto com a desistência foi expossta uma carta aos correligionários, explicando os motivos da decisão.

Confira na íntegra:

Minhas amigas e meus amigos de Ipiaú, estou retirando a minha candidatura a prefeito nessas eleições. Faço isso com a consciência tranquila de quem entregou o coração e a alma para essa campanha. Mas, lamentavelmente, isso não foi o bastante para seguirmos com o nosso projeto adiante.

A rejeição da atual administração é alta e foi repetidamente comprovada por pesquisas. Soma-se a isso a evidente falta de comprometimento de algumas peças, que no meu entendimento, são basilares para a continuação da campanha.

Agradeço imensamente o apoio de todos que, junto comigo, caminharam pelas ruas da nossa cidade defedendo esse sonho. E afirmo a vocês, o sonho não acabou. Tenho ideias, projetos e um amor imenso por Ipiaú. Por isso, continuarei lutando de cabeça erguida em busca desse objetivo.

Por minha terra e por minha gente, sempre!

A minha decisão, no entanto, nao significa apoio a nenhum outro candidato.

Por isso, peço que vocês fiquem tranquilos para apoiar e votar em quem quer que seja, de acordo com as suas consciências.

Banda Roxa

“O tempo, mestre soberano, trabalha em silêncio, regido pelas leis do universo e nada deixa impune e no tempo certo faz a sua justiça”

(Ipiaú on Line)