Conselho vota a favor de parecer, e Paulo Carneiro é afastado da presidência do Vitória

Paulo Carneiro é afastado da presidência do Vitória

O presidente do Vitória, Paulo Carneiro, foi afastado na noite desta quinta-feira, 2, após reunião extraordinária do Conselho Deliberativo do clube. A decisão prevê, inicialmente, que o cartola ficará fora das suas atividades dentro do clube pelo período de 60 dias para que as possíveis infrações apontadas no relatório da Comissão de Ética sejam apurados.

Com a decisão, a previsão seria que o vice-presidente, Luiz Henrique Viana, assumisse a presidência do clube interinamente. No entanto, em mais um áudio vazado nesta quinta-feira, o próprio Paulo Carneiro revelou que o companheiro da chapa ‘Vitória Gigante’ também deixará o Conselho Diretor junto com ele.

“A partir de amanhã o Vitória está no caos, pois vai ser dirigido por Fábio Mota. Ele vai sair da secretaria de Turismo da Prefeitura para dirigir o Vitória? Eu não sei nem como ele é secretário de Turismo, com essa forma pusilânime. Ele não pode dirigir uma Instituição, mas ele vai ser, pois o meu vice não vai ficar nessa confusão. Nós estamos juntos. Se tem indício de gestão temerária, são os dois, o presidente e o vice. Mas eles só queriam atingir o presidente”, afirmou Carneiro.

A votação ocorrida nesta noite, no estádio Manoel Barradas (Barradão), foi realizada de forma nominal. Dentre os votantes, nenhum apoiou a permanência de Paulo Carneiro na gestão do Rubro-Negro baiano. Ao todo, foram 76 pessoas que escolheram o afastamento e somente três abstenções.

Fonte: A Tarde