Vitória empata com Chapecoense e segue sem vencer jogando fora de casa

O Vitória visitou a Chapecoense neste sábado (17) pela 16ª rodada rodada da Série B e empatou com o time da casa em 1 a 1. Com gols de Paulinho Moccelin e Thiago Carleto na partida que aconteceu na Arena Condá, em Chapecó, o Rubro-negro segue sem conseguir somar três pontos jogando fora.

Com o resultado, time catarinense segue na 2ª posição da tabela com 30 pontos, enquanto o Leão segue na 13ª colocação com 19 pontos. O próximo duelo da equipe baiana será na próxima quinta-feira (22), jogando no Barradão contra o Guarani, às 21h30.

O JOGO

Antes mesmo da bola rolar, o time do Vitória teve mudança. O zagueiro Wallace foi vetado por Marcelo Midlej, médico da equipe, após o jogador reclamar de dores no adutor da coxa esquerda pouco antes da partida.

A primeira ameaça foi para a equipe Rubro-negra com cobrança de falta de Thiago Carleto aos cinco minutos de jogo. Com chute forte e distante da lateral esquerda, o jogador mandou a bola direto para as mãos do goleiro João Ricardo.

Chape abre o placar

Aos 23, Paulinho Moccelin recebeu um passe do meio de campo de Anselmo Ramon e disparou na direção da área chutando em velocidade, sem dar chances de defesa para o goleiro Ronaldo.

O Vitória tentou resposta com Alisson Farias logo em seguida, aos 24, mas o jogador mandou a bola por cima da trave. Logo em seguida, Anselmo Ramon tentou aumentar o resultado depois de receber o passe na entrada da área e chutar pelo canto esquerdo mandando para fora.

Vitória quase empata

Alisson Farias, mais uma vez, se aproxima pela lateral esquerda da pequena área e chuta na direção do gol. Mas um desvio na zaga da Chape ajuda o goleiro João Ricardo a chegar na bola e conseguir a defesa.

Leão tem mais uma oportunidade

Carleto mandou bola lata para Ewandro na entrada da área aos 41 minutos, mas o atacante recebe mal e perde o gol por pouco.

Aos 44, Felipe Garcia dispara deixando o meio campo do Vitória para trás. O jogador cruza para Moccelin na entrada da pequena área que acaba isolando a bola.

Terceira chance do Rubro-negro

Alisson Farias se aproxima com velocidade aos 46 e recebe bola pelo alto de Leandro Silva. O atacante cabeceia no mano a mano contra o goleiro do Verdão, que consegue espalmar e afastar a bola.

Segundo tempo

Moccelin fez o primeiro grande lance da segunda etapa de jogo. Aos oito minutos, o atacante consegue sobra na defesa do Vitória e avança pela lateral direita finalizando pra fora por pouco.

Pênalti para o Vitória

Poucos minutos após entrar em campo, Juninho Quixadá foi derrubado na área por Felipe Garcia enquanto tentava um drible. Carleto bateu firme pela lateral esquerda e empatou para o Leão aos 17.

A Chapecoense ameaça com Lima aos 26, que recebe a bola da estrada da área e chuta rasteiro, mas o goleiro Rolando consegue fazer a defesa.

Chance de virada

Léo Ceará recebeu a bola por Carleto aos 32 pela lateral esquerda da pequena área. O jogador acelerou e tentou pela diagonal curta, mas acabou apertando o lado de fora da rede.

Logo em seguida, o Alviverde tentou com Lucas Tocantins que com a sobra da bola chuta com força na direção da lateral direita que sai de raspão.

João Ricardo faz duas defesas seguidas

Aos 36 Carleto bate falta e manda direto nas mãos do goleiro da Chape, que espalma a bola. O Vitória ainda tenta o rebote, mas João Ricardo encaixa.

Léo Ceará tenta novamente

O atacante subiu sozinho contra o goleiro aos 39 minutos e tentou mais uma vez virar o placar para o Leão, mas a bola foi para fora.

Rafael Carioca tenta chute de longe nos acréscimos, mas o goleiro do Verdão consegue agarrar.

Mesmo com muita movimentação nos minutos finais, as equipes não conseguiram fazer boas finalizações e o jogo terminou em empate.

FICHA TÉCNICA

Chapecoense 1 x 1 Vitória

Série B – 16ª rodada

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Data: 17/10/2020 (sábado)

Horário: 16h

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ-CBF)

Assistentes: Diogo Carvalho Silva (RJ-CBF) e Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ-CBF)

Quarto árbitro: Gustavo Ervino Bauermann (SC-CBF)

Analista de campo: Claudemir Maffessoni (SC-CBF)

Cartões amarelos: Maurício Ramos (Vitória) / Busanello (Chapecoense)

Cartões vermelhos:

Gols: Paulinho Moccelin (Chapecoense) / Thiago Carleto (Vitória)

Vitória: Ronaldo; M. Ramos, João Victor, L. Silva, Thiago Carleto. Guilherme Rend (Gabriel Furtado), G. Magrão (L. Cândido) e Marcelinho (Juninho Quixadá); Ewandro (Vico), Léo Ceará e Alisson Farias (Rafael Carioca). Técnico: Eduardo Barroca.

Chapecoense: João Ricardo; Guedes, Joilson, Luiz Otávio, Busanello; Willian, Evandro (Lima), Aylon (Vini Localtelli); Paulinho Moccelin (Régis), Anselmo Ramon, Felipe Garcia (Lucas Tocantins). Técnico: Umberto Louzer.

BN.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *