Atacante acusa árbitro de racismo, e jogadores do PSG e Istanbul abandonam partida

Atacante acusa árbitro de racismo, e jogadores do PSG e Istanbul abandonam partida

Jogadores do Paris Saint-Germain e do Istanbul Basaksehir, que se enfrentavam hoje (8) pela 6ª rodada do grupo H da Liga dos Campeões, deixaram o campo de jogo após o atacante Demba Ba, da equipe turca, acusar o quarto árbitro da partida de racismo.

O árbitro romeno Sebastian Coltescu teria ofendido o atacante Pierre Webó, membro da equipe do Basaksehir, aos 16 minutos do primeiro tempo.

Segundo o atacante Demba Ba, que estava no banco do Basaksehir, Coltescu disse para o árbitro de campo expulsar “aquele cara preto”, em referência a Pierre Webó.

Por conta da ofensa, Demba Ba se revoltou e partiu pra cima da arbitragem. Ele acabou expulso, mas liderou protestos das duas equipes. No fim, os jogadores dos dois times resolveram deixar o gramado.

Fonte: Metro1