Morre menina atropelada por carro alegórico no Rio de Janeiro

A garota teria subido no carro alegórico enquanto a mãe observava a passagem de outras escolas na avenida e a perna ficou prensada contra um poste

Morre menina atropelada por carro alegórico no Rio de Janeiro

Morreu, no início da tarde desta sexta-feira (22), a menina atropelada pelo carro abre-alas da escola de samba Em Cima da Hora. Raquel Antunes da Silva, de 11 anos, foi prensada por um poste e a alegoria da escola. A perna direita dela chegou a ser amputada na quinta-feira (21).

Raquel estava internada em estado grave no Hospital Souza Aguiar, no Centro da cidade, e, segundo funcionários da unidade, teve uma hemorragia interna.

Durante a cirurgia, que durou mais de 6 horas, Raquel sofreu uma parada cardiorrespiratória. Ela também teve traumatismo no tórax e respirava por aparelhos.

Após o acidente, a Justiça determinou que as escolas de samba façam escolta dos carros alegóricos até os barracões. A decisão do juiz Sandro Pitthan Espíndola, da 1ª Vara da Infância, da Juventude e do Idoso, acolheu o pedido do Ministério Público estadual.

 

Leia mais sobre essa e outras notícias no Blog do Valente e e siga no Google Notícias