Governo do Estado e chineses planejam construir nova cidade na Bahia, diz site

Conforme informações do site Acesse Política, o Governo do Estado e executivos chineses pretendem levar a Bahia a um patamar jamais imaginado nem pelos mais otimistas dos baianos.
Ainda de acordo com o Acesse Política, além da construção da ponte Salvador-Itaparica, uma mega obra orçada em mais de R$ 6 bilhões que irá gerar milhares de empregos, uma vez que serão empregados cerca de 7 mil trabalhadores, os chineses também irão construir a duplicação de duas importantes rodovias estaduais da Bahia, com o objetivo de levar o progresso e o desenvolvimento ao Extremo Sul e ao Oeste do estado, através da Ponte Salvador-Itaparica, que será o vetor também de um ‘boom imobiliário’ em dezenas de cidades, principalmente a nova cidade que será construída por eles, na região de Valença.
O Acesse Política informou ainda que, na manhã deste sábado (24), João Leão, vice-governador e secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado da Bahia, confirmou a existência  dos projetos. Leão revelou que os chineses irão construir realmente uma nova cidade e que a mesma será totalmente ecológica e sustentável.
Segundo o portal, recentemente a China planejou construir uma cidade três vezes maior que Nova York na Nova Área Xiongan, fato que gerou uma forte propaganda espontânea na mídia internacional e provocou uma corrida imobiliária, o que não seria diferente na Bahia, não pelas proporções, claro, pois será muito menor, mas por se tratar da primeira cidade 100% inteligente e sustentável a ser construída pelos chineses no Brasil, que irá gerar uma imensa valorização imobiliária e implantação de dezenas de hotéis e resort.
“Mais do que uma mera réplica do sucesso que estes extraordinários homens fazem na China e outros locais do mundo, a nova cidade que eles pretendem construir aqui na Bahia irá contar a história do futuro de uma nova cidade bem planejada e 100% sustentável, utilizando energia eólica e solar. A nova cidade será uma demonstração de inovação e desenvolvimento e irá priorizar a proteção ecológica atraindo com certeza, milhares de turistas ao estado”, disse Leão ao Acesse Política.
Os novos projetos na China priorizam a ecologia e a experiência humana através de vários princípios de desenho urbano, desde respeitar o ambiente natural e criar um sistema holístico sustentável, até a introdução de infraestrutura verde e um sistema de transporte multimodal.
O site diz ainda que o vice-governador afirmou que a BA 001 deverá ser duplicada desde a Ilha de Itaparica até Porto Seguro. “Temos um projeto para a ponte do funil onde faremos ali uma nova ponte e de lá até o Extremo Sul, os chineses estão interessados nessas obras, tanto na duplicação da ponte do funil até Nazaré, quanto de Nazaré até Ituberá e assim até chegar em Porto Seguro, ou seja, tudo”, afirmou.
Leão ainda afirmou, segundo o Acesse Política,  que os chineses irão construir um quinto grande projeto, além da ponte Salvador-Itaparica, das duplicações das duas rodovias e a nova cidade tecnologicamente sustentável, eles já estariam prospectando in loco um imenso terreno onde será implantado um grande parque industrial, localizado logo após a Ilha de Itaparica, na região do Rio Jaguaripe. Este parque servirá para atender a demanda de Salvador, região metropolitana, Recôncavo e demais regiões, após descobrirem do deficit, pois Simões Filho e Candeias já não atendem a demanda.