Bombeiro é detido após disparar diversos tiros em bar; homem procurava por cartão que estava em seu bolso

Foto: reprodução

Um bombeiro foi detido na noite desse sábado (9) após atirar dentro de um bar em Manaus. Câmeras de segurança do estabelecimento registraram o ocorrido. Segundo a gerência do bar, o homem procurava pelo próprio cartão de crédito, que estava no bolso dele. O homem chegou a agredir uma pessoa com um chute na perna. Ele tem porte de armas.

Em nota, o Corpo de Bombeiros afirmou que encaminhará as informações para que a ocorrência seja apurada pela Corregedoria de Segurança Pública do Estado, observando os princípios do devido processo legal, contraditório e ampla defesa.

O g1entrou em contato com o bar e a gerência informou que o militar consumia álcool desde as 16h. Ele estava acompanhando de um outro colega da corporação. O estabelecimento disse que recolhe as armas de clientes, mas, neste caso, abriu exceção porque ainda estava “cedo”.

“Já aconteceu de policial ficar com raiva e ir embora por não deixarmos entrar com arma, mas é uma norma recolher a arma de quem seja”, informou o gerente do local Alcydes Júnior.

Imagens de câmeras de segurança do local mostram o momento em que o militar entra na área interna do bar, atira para o alto e pergunta pelo cartão dele. Um amigo que estava com ele tenta controlá-lo. No momento dos disparos, estava no local apenas uma banda que se preparava para se apresentar. Os músicos correram.

“Esse ocorrido, de pessoas descontroladas, nunca aconteceu no boteco. Ele somente conseguiu passar com a arma, pois chegou muito cedo, os seguranças ainda não estavam a postos e abrimos essa exceção. Disse que queria tomar uma cerveja. A revista começa às 18h e ninguém passa armado”, disse.

“O cartão estava o tempo todo com ele, o amigo dele falava para ele: ‘Está aqui mano, teu cartão está contigo’. Ele desrespeitou o próprio oficial que estava com ele, totalmente descontrolado na delegacia” .

Após a polícia chegar ao local, o homem foi detido e encaminhado para o 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP). Na manhã deste domingo (10), cápsulas da arma foram encontradas ainda no local. Os tiros danificaram uma televisão e marcas foram identificadas em paredes.