ONU confirma mortes de 3,3 mil civis desde início da guerra da Ucrânia

ONU confirma mortes de 3,3 mil civis desde início da guerra da Ucrânia
Cidades ficaram parcialmente destruídas após bombardeios russos
ARIS MESSINIS/AFP

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH) contabiliza ao menos 3.381 mortes de civis desde o início da guerra na Ucrânia, em 24 de fevereiro. Segundo balanço divulgado nesta segunda-feira (9/5) pela agência da Organização das Nações Unidas (ONU), 3.680 civis ficaram feridos no conflito.

A ONU assume, no entanto, que os números reais poderão ser muito superiores, já que a contabilização é difícil por causa dos bombardeios.

Das vítimas mortais confirmadas, 235 são crianças e há também 346 crianças entre os feridos. A maioria das vítimas morreu ou sofreu ferimentos devido ao uso de explosivos, incluindo projéteis lançados por artilharia pesada, sistemas de lançamento múltiplo de mísseis e bombardeamentos aéreos.