Humberto Leite diz que Chico de Dega está indeciso em relação a apoiá-lo; “me disse que talvez nem saísse candidato”

Humberto Leite cedeu entrevista ao Programa do Valente nesta sexta-feira (21) para falar sobre sua pré-candidatura a prefeito de Santo Antônio de Jesus. Ele e outros pré-candidatos da oposição estão em diálogo para uma possível união.

Para o ex-prefeito, a união de todos os líderes da oposição é bem difícil, mas as negociações estão bem avançadas. “Vamos buscar aglutinar”, frisou, lembrando ainda que tem conversado bastante com os pré-candidatos Dr. Christian e Dr. Everaldo, além de Edy Diniz. Se algum nome da oposição aparecer melhor posicionado nas pesquisas, Humberto Leite deixou claro que abre mão de sua candidatura para apoiar. “Traga uma pesquisa, se eu senti o crescimento de alguém, eu me retiro e vou ajudar”, ressaltou.

O pré-candidato esteve em reunião com ACM Neto no início da semana. De acordo o entrevistado, Neto garantiu apoio a sua pré-candidatura, afirmando que quer a união do DEM em Santo Antônio de jesus. Humberto disse ainda que Chico de Dega está indeciso em relação a apoiá-lo. “Não sei o que ele vai fazer. Me disse que talvez nem saísse candidato. Se ele está teimando, possivelmente, vai contra a determinação de Neto. Estão tentando fazer a cabeça dele, como tentaram fazer a minha”, opinou.

Na oportunidade, o ex-prefeito disse não ter nada contra o médico Leonel Cafezeiro, apoiador da candidatura de Genival Deolino. “Mas politicamente, nunca foi aquela coisa, mesmo quando ele foi meu vice, pois Leonel sempre achava, pela importância dele na cidade, por ser dono de clínica, que ele deveria ser o candidato e eu, por ser uma pessoa simples, não poderia ser prefeito”, lembrou.