SAJ: Som alto motivou briga entre ciganos que deixou dois mortos

Som alto motivou discussão entre ciganos que deixou dois mortos no fim da tarde desta segunda-feira (7), em Santo Antônio de Jesus. Ao repórter Antônio Carlos, a esposa do cigano Adriano Dourado, 27 anos, morto após ser baleado, relatou que não houve briga, “Eu estava bebendo com meu marido e minha sogra, só porque ele [suspeito] perdeu o pai recentemente e não queria ouvir som, fez isso”, disse. Além de Adriano, Hélia Rodrigues Santana, 74 anos também foi atingida e morreu no local. Outras duas pessoas continuam internadas. O suspeito segue foragido.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *