SAJ: após ser dado como morto, jovem relata que veio de Porto Seguro andando, “Só recebi duas caronas”; assista

A família de David dos Santos, 17 anos, teve muito o que comemorar nesta quarta-feira (18), em Santo Antônio de Jesus. O jovem explicou que viajou com o colega Ícaro Carvalho para trabalhar em Caraíva no dia 09 de janeiro. Os dois desapareceram e foram dados como mortos pelos familiares.

Ao Blog do Valente, David relatou que ele e o colega foram presos por alguns homens, “Eles pegaram logo Ícaro, acho que confundiram ele. Me amarraram, amarraram ele. Apontou[ a arma] e negou no meu pé, não sei se estava sem bala. Quando vi apontando em meu pé, torei a corda na maior força e meti a perna”, disse.

David frisou que não sabia que foi dado como morto e retornou a Santo Antônio de Jesus porque estava difícil trabalhar em Porto Seguro, “Vim andando. Recebi só duas caronas, uma de 10km e outra de 20 km. Não pedi nada a ninguém no caminho, só parava nos postos de combustível para encher minha garrafinha de água”, comentou.

Para a mãe do jovem, o filho reviveu. Ao Gigante da Notícia, ela expressou sua alegria ao ter o filho de volta, “Minha intuição de mãe dizia que ele estava vivo. Eu disse que meu filho estava vivo”, pontuou.