SAJ: ex-vereador Gilson Bastos é diagnosticado com Síndrome de Guillain Barré e perde movimentos do corpo

SAJ: ex-vereador Gilson Bastos é diagnosticado com Síndrome de Guillain Barré e perde movimentos do corpo
Foto: arquivo pessoal

O ex-vereador Gilson Bastos, 59 anos, foi diagnosticado recentemente com Síndrome de Guillain Barré, e está sem o movimento de partes do corpo. A informação foi confirmada ao Blog do Valente pelo próprio, na noite desta segunda-feira (04/04).

“Foi no dia 22, vai fazer quinze dias amanhã. Eu caí a noite,  quatro horas da manhã, ai fui para o INCAR. Meu corpo está paralisado até hoje, os pés, as mãos, os braços, as pernas”, contou.

No momento Gilson está em um quarto do Hospital Cárdio Pulmonar, em Salvador, mas esteve antes na UTI e na Semi-UTI. Logo, o ex-vereador passará fisioterapia para recuperar os movimentos perdidos.

“Na segunda e terça-feira ele teve uma febre. Na terça ele teve diarréia também, no Domingo ele teve dor de cabeça e na terça tivemos a suspeita – da Síndrome – e já transferimos para cá (Salvador) na quarta-feira”, explicou Felipe, filho de Gilson.

O que é a Síndrome de Guillain Barré?

A síndrome de Guillain Barré é um distúrbio autoimune, ou seja, o sistema imunológico do próprio corpo ataca parte do sistema nervoso, que são os nervos que conectam o cérebro com outras partes do corpo.

É geralmente provocado por um processo infeccioso anterior e manifesta fraqueza muscular, com redução ou ausência de reflexos. Várias infecções têm sido associadas à Síndrome de Guillain Barré, sendo a infecção por Campylobacter, que causa diarréia, a mais comum.

Segundo informações do Ministério da Saúde, a incidência anual é de 1-4 casos por 100.000 habitantes e pico entre 20 e 40 anos de idade.