Reabertura do comércio em Salvador será considerada quando ocupação de leitos chegar a 80%, diz prefeito

Foto : Valter Pontes / Secom

O prefeito Bruno Reis (DEM) afirmou hoje (24), em coletiva de imprensa, que irá considerar a reabertura do comércio em Salvador quando a taxa de ocupação de leitos chegar a 80%, índice que considera seguro para a permissão. Ele ainda informou que, quando as atividades puderem retornar, será oferecido aos comerciantes algum tipo de apoio.

“Eu consideraria o número de 80% [de ocupação de leitos] como seguro para permitir que a gente faça algum teste de retomada das atividades comerciais em nossa cidade”, disse o gestor municipal. Ele revelou que já há um plano de reabertura pronto, que aguarda apenas um momento adequado para que ele possa ser posto em prática. O comércio deve voltar de forma escalonada.

Bruno Reis ainda afirmou que entre hoje (24) e esta sexta-feira (26), os índices da Covid-19 serão avaliados para decidir sobre a manutenção ou não das medidas restritivas. Além disso, será discutida a possibilidade de antecipar os feriados da Semana Santa e Páscoa para que os indicadores cedam mais rapidamente e a possibilidade de abertura se concretizar o quanto antes.

O prefeito também reforçou que será oferecido um apoio aos comerciantes “para que esse setor possa ter ainda mais condições de empreender, de gerar empregos, de manter as suas atividades na cidade”. De acordo com ele, o anúncio do auxílio com mais informações será feito junto com o da reabertura do comércio.

m1