Cantora e produtor agradecem participação da população em primeiro dia de live “Quanto vale o show”?

Em meio a esse momento de Pandemia Global que afetou a todos e principalmente a classe artística, o Universo Verde Digital vem fortalecer a sua presença no mercado audiovisual, apoiando e promovendo os artistas locais. Para contribuir com essa causa nobre, criou o projeto “Quanto Vale o Show?”, que consiste em apoiar cinco artistas locais a fim de realizar suas lives durante o período de uma semana, como forma de incentivar a solidariedade entre o público online e os artistas através de doações direcionadas aos mesmos.

As apresentações estão acontecendo no estúdio do Universo Verde Digital e os artistas se apresentam em formato solo ou acompanhado de um músico. O apresentador de cada dia promoverá toda a dinâmica e interação entre o artista e o público, buscando uma maneira de ampliar a divulgação do projeto artístico de cada um e incentivando as doações.

Com equipamentos de última geração e uma equipe formada por profissionais da área de áudio e vídeo, o Universo Verde Digital oferece uma mesma qualidade e atenção a todos os artistas que contam com: produtor artístico, diretor e editor de imagens, técnico de som e câmeras man, além de disponibilizar os materiais e equipamentos para transmissão das lives como cenário, rede de internet, captação de áudio e vídeo, iluminação, gravações externas e outros detalhes que acompanham a produção para um bom desempenho do evento.

As lives serão feitas em estúdio, com cenário padrão para todas as atrações e serão apresentadas por profissionais da área de comunicação da nossa cidade, tendo um apresentador para cada dia/artista. As lives têm uma duração de 1 hora e 30 minutos aproximadamente e as transmissões acontecem no canal do Youtube do Universo Verde Digital nos dias 05, 06, 07, 08 e 09 do mês de Abril,  às 20hs.

“Me sinto muito feliz e grata por fazer parte desse projeto nesse momento, que para nós artistas, só Deus e os mais próximos sabem o que estamos passando, e não sabemos quando vamos voltar a trabalhar. Eu só tenho que agradecer”, disse a cantora Mara Ribeiro, em entrevista ao Blog do Valente. A cantora lembrou  também que alguns colegas precisaram vender os instrumentos musicais para pagar contas.

Gel, da Fazenda São Geraldo, frisou que há grandes artistas em Santo Antônio de Jesus. “Foi uma ideia minha. Estamos empenhados em trabalhar pensando em ajudar a classe artística de modo geral, podendo ajudar dar nossa contribuição”, acrescentou.