Extradição do dono da Telexfree será decidida nesta sexta pelo STF

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) começaram a julgar em plenário virtual o futuro do dono da Telexfree, Carlos Nataniel Wanzeler, alvo de um pedido de extradição para os Estados Unidos e que pediu ao tribunal para voltar a ser brasileiro. A informação é da coluna de Guilherme Amado, da revista Época.

Wanzeler, que optou pela nacionalidade americana quando se mudou para lá antes de a Telexfree bombar mundo afora, responde por envolvimento no esquema de pirâmide financeira da empresa.

Segundo a publicação, a Segunda Turma do STF chegou a autorizar a extradição, mas agora o advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, conseguiu suspender a decisão enquanto são discutidos os últimos recursos.

*Bahia.Ba