Opinião: Não imagino SAJ perdendo mais de 400 empregos diretos que o Atakarejo pretende trazer

A respeito da vinda do Atakarejo para Santo Antônio de Jesus, o proprietário quer exatamente o espaço na Avenida Ursicino Pinto de Queiroz e tem projeto para deixar o estacionamento no térreo e construir o supermercado na parte de cima, além de melhorar o trânsito da localidade.

Qual investimento precisa ser feito para liberar a vinda do Atakarejo? O vereador Uberdan Cardoso está propondo uma audiência pública na Câmara, pois são mais 400 empregos diretos que o município não pode perder.

O prefeito não pode deixar o Atakarejo sair, a Associação Comercial também precisa se manifestar sobre isso, é geração de emprego. O pessoal disse que não coloca carreta ali em horário comercial, mas se o pessoal colocar um prédio comercial naquele local, não vai entrar muito carro ali? Se for um shopping, não vai ser a mesma coisa? Tudo vai ter trânsito.

Todo mundo pensava que o Salvador Shopping ia causar um caos em Salvador, mas acabou o engarrafamento. O Salvador Shopping junto com a prefeitura fez do limão uma limonada.
Uma pessoa da oposição disse que o prefeito não queria liberar para atender a um ou outro empresário, mas não é o perfil de Genival.

Ah! Mas não pode construir ali porque a lei não permite, a lei diz que não pode colocar posto de combustível na cidade e sempre vejo liberando. Genival, sei que o senhor não vai deixar perder esse Atakarejo. Vamos criar alternativas.